Virando Gringa

Três motivos pra viajar enquanto você é jovem

Esse texto foi feito pelo Jeff Goins, um autor americano. Ele tem textos muito enriquecedores, mas tudo em inglês. Se você quiser, pode visitar a página dele.
Eu resolvi traduzir esse texto, porque me identifiquei com ele, e creio que você, como viajante leitor desse blog, também se identificaria.
 

“Outro dia eu tive uma conversa com uma moça, que tinha um grande número de decisões a tomar, sendo uma delas: começar a especialização na faculdade, ou viajar pelo mundo. Eu disse a ela: viaje! Sem desculpas. Simplesmente vá. Ela suspirou. E disse: É, mas…

Nunca vi palavras mais fatais:
“É, mas é o dinheiro?
“É, mas é um emprego?
“É, mas e meu namorado (cachorro, carro, qualquer coisa que se apegue)?
“É, mas” são palavras muito perigosas. Porque faz tudo soar como se tivéssemos a melhor intenção, quando na verdade estamos apenas assustados demais pra fazer o que devemos fazer. Toda essa preocupação nos permite ser covardes, enquanto soamos nobres.
A maioria das pessoas que conheço que esperaram pra viajar o mundo, nunca foram. Ao mesmo tempo, muitas pessoas que esperaram pra ter aquele emprego estável, ou pra fazer aquela pós-graduação, acabaram fazendo isso de um jeito ou de outro, eventualmente.
Cuidado com o “É, mas…” Ele pode matar seus sonhos.
Fiquei muito comovido com essa conversa que compartilhei com um grupo de 30 jovens na noite passada, pois muitos que estavam fazendo essas mesmas perguntas e afirmações.

“A vida que você sempre quis”

Quando você sai da adolescência, a vida parece que acontece pra você. Sua juventude é o tempo de total fortalecimento de você mesmo. Você consegue o que você quer.
Mas, conforme você fica mais velho, ganha responsabilidades que nem queria ganhar. Você começa a perceber que precisa ter certeza de não perder nenhuma chance sobre o que é importante na vida.
Então, enquanto você é jovem e ainda tem um certo controle das circunstâncias, faça o que realmente importa pra você. Porque a vida não vai ser sempre sobre você.
Como jovem adulto, sua forma de ver o mundo está se formando. É importante usar esse tempo para se dar oportunidades de crescimento. Uma boa maneira de crescer, é viajar.
Então, querido jovem, VIAJE! Viaje longe. Viaje audaciosamente. Abandone tudo, e vá.
Você vai se arrepender de poucos riscos que tomou quando pensar sobre isso. Eu prometo. Há três razões que resumem porque você deve viajar enquanto é jovem:

1. Viajar te ensina a viver uma aventura

Quando você olhar pra trás, você vai ter momentos que te deixarão orgulhoso de lembrar, e alguns nem tanto assim. Te garanto que coisas como as seguintes poderiam estar incluídas na lista:
  • Andar de bicicleta nos canais de Amsterdam,
  • Aparecer na TV na Áustria,
  • Fazer trilha numa ruína medieval,
  • Fazer tour pela Europa de trem, dormindo e comendo o mínimo pra sobrevivência.
(O autor tem uma lista de peripécias diferentes, mas eu coloquei as minhas, porque afinal o blog é meu porra!).

Então do que você se arrependeria? De se segurar, de ter medo, de dar desculpas esfarrapadas pra fazer as coisas. De não se arriscar. De esperar.
“If it’s important to you, you will find a way, if not you will find an excuse”. (Ryan Blair).

Enquanto você é jovem, você deve viajar. Tire um tempo pra ver o mundo e sentir o gosto da vida à sua volta. Qual é o gosto de viver num lugar há 10 mil kilômetros de distância da onde você nasceu? 
Vale todos os investimentos que você pensar. E não estamos falando aqui de ser “turista”. Não estamos falando de pegar um ônibus de excursão e ficar vendo as coisas da janela. Estamos falando de se arriscar, se aventurar, de modo que você aprende a viver sem medo ao longo de sua vida.
Viajar é andar nas vielas da Medina em Fes (Marrocos) atrás de um guia que você acabou de conhecer, na esperança de que ele está te levando pra um lugar legal, e não te sequestrando pra vender seus órgãos. (Sério, foi um dos dias mais tensos da minha vida, mas deu tudo certo e a vista era maravilhosa).


2. Viajar te ajuda a desenvolver seu coração

Enquanto somos jovens, iremos tomar muitas decisões que nos definirão como pessoas. Os hábitos que você adquire aos 20 e poucos anos, provavelmente ficarão pra sempre.
Viajar vai te mudar de uma maneira rara, que você dificilmente vai encontrar em outras atividades. Vai te colocar em situações que te forçam e se importar com problemas que são maiores que você. E que às vezes estão longe do alcance de suas mãos para serem resolvidos. Mas você vai saber que eles estão lá. 
Se você for pra Ásia, existe uma grande possibilidade de você encontrar trabalho escravo acontecendo em pleno século XXI. (Se você for para os confins do Brasil também).
Se você for pro Leste Europeu, você vai ver com os próprios olhos os efeitos de genócidio e perseguição religiosa (vi muito da história do nazismo lá).
Se você for pro Haiti, vai ver o lado negro do paternalismo ocidental. A dominação pelo poder.

Sua cabeça vai pirar. Seu coração vai sentir a dor do mundo real.

Em Berlin eu vi o muro. E a história por trás dele é chocante.
Mas estar lá, e passar um tempo olhando cada uma das pichações, e o que cada pessoa quis registrar na história ali, não tem preço.

A partir daí você começa a entender que o mundo é pequeno e grande ao mesmo tempo. Você vai aprender a respeitar a situação de quem tem menos recursos do que você. E vai pensar sobre essas pessoas de uma maneira completamente diferente do que costumava.

E você se sentirá mais conectiado com seus companheiros humanos, sejam eles da onde forem. You will learn to care. É difícil definir essa expressão em português, deixei ela no original.

3. Viajar vai te trazer mais cultura

Enquanto ainda somos jovens, devemos aprender o máximo possível do mundo ao nosso redor, pra podermos guiar nossas decisões da melhor maneira.

Nada substitui uma experiência real. Andar dentro do Coliseu, ver o David de Michelângelo ao vivo. Olhar pro teto da Capela Sistina e dizer “uaaaaaaau”.
Ler é ótimo. Você pode ler todos os livros sobre os canais de Amsterdam. Mas até você andar do ladinho deles, não é a mesma coisa. O mundo é lindo, é maravilhoso, cheio de obras de arte. Desde pintura até jardins. Você tem que estar lá, e ver pelo menos parte disso.
Não espere até ter mais dinheiro. Não espere até poder dormir confortavelmente num hotel. Vai, se joga, dorme no chão, mas vai. Saco de dormir é uma das maiores invenções da humanidade.
Nossos 20 e poucos anos são aquele momento da sua vida em que você tem que plantar…Pra daqui a algum tempo colher os resultados. E por favor, plante. Plante muito.
Porque você não vai ser jovem pra sempre. E sua vida não vai ser sempre dedicada a você mesmo. As coisas mudam.
Então viaje. Veja o mundo. Se torne uma pessoa de cultura, aventureira e de bom coração.
Afinal, não precisamos de muito mais que isso pra sermos felizes.

“E se eu não for jovem?”

Viaje mesmo assim. É mais difícil com criança, cachorro e papagaio, mas é legal sair da zona de conforto, e você pode introduzir seus filhos à vida de viajante. Passo-a-passo. 
Nunca é tarde pra você também. A torre eiffel nunca envelhece, e ela está lá esperando você chegar pra ver Paris do topo.

Precisa de hospedagem barata em qualquer lugar do mundo?
Reserve por Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!
E que tal visitar museus pela Europa sem fila?
Reserve com o TicketBar Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Quer saber tudo e mais um pouco sobre veneza?
Compre o e-book! Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Related Posts

Leave a Reply

5 comentários sobre “Três motivos pra viajar enquanto você é jovem

  1. Juliana Arthuso

    Oi cyntia, fico muito feliz de ler isso!!!
    apesar de ter pouco tempo para escrever, tento sempre melhorar e escrever mais, e são comentários como o seu que movem tudo isso adiante!
    obrigada!
    e boas viagens! Conta pra gente depois!!

  2. Anônimo

    Greetings, I believe your website could be
    having internet browser compatibility issues.
    Whenever I take a look at your website in Safari, it looks fine however when opening in Internet Explorer, it's got some overlapping issues. I just wanted to give you a quick heads up! Other than that, excellent website!
    Feel free to surf my webpageviajes a china

  3. Anônimo

    Tô indo com meu filho de 1 ano, tem que ser minimalista, o que ajuda muito é usar um mei tai. É melhor que carregador de bebê.
    pensando sobre o Hackschooling pra ele.. porque pro BR não quero mais voltar 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *