Virando Gringa

10 dicas para uma viagem mais ambientalmente amigável e correta

Como ter uma viagem mais ecológica?

Para que os lugares lindos que a gente visita continuem sempre lindos por gerações…precisamos pensar em viagem ambientalmente amigável!

1. Leve sempre uma garrafa reutilizável com você

Você pode parar de comprar água toda vez que der sede…pois cada vez é uma garrafa plástica que vai embora! Em vez disso, para uma viagem ambientalmente amigável, é melhor reabastecer da torneira se for seguro, reabastecer no seu hotel ou hostel antes de sair, ou parar num restaurante e pedir, etc… Se a água da torneira não for boa para beber, ou se você estiver em um lugar muito remoto, você pode usar a tecnologia! Existem filtros portáteis de água, pílulas / purificadores, ou você pode simplesmente ferver a água antes pra desinfetar, que é o que eu vi TODOS os chineses que convivi fazendo diariamente!

Depois de visitar o lindo Templo da Lua, fui beber água num restaurantezinho ao lado e olha só…a água veio quente! Melhor fervida e sadia do que gelada e contaminada, Am I right?

2. Não aceite sacolas plásticas no mercado, use sua mochila de ataque!

Traga uma mochila com espaço sobrando para o que você está comprando ou certifique-se de sempre ter uma sacola com você!

Precisa comprar frutas ou legumes? Leve-os como estão – você vai lavá-los antes de comer de qualquer maneira, então qual a necessidade de enfiar cada grupo de legumes num plástico que você vai chegar no hostel, rasgar e jogar fora? Se você quiser comprar a granel você pode trazer pequenos sacos de pano ou outro material permanente (não descartável!) ou outro tipo de recipientes para isso também. Realmente não é difícil quando você se acostuma a recusar sacolas plásticas, na real faço isso no dia-a-dia em casa, mesmo quando não estou viajando.

3. Use transporte público, bike ou vá à pé

Eu entendo que pode ser confortável e tentador pegar um táxi para o seu local de hospedagem logo quando você chega no novo destino.

Como eu sempre tento levar o mínimo de bagagem, consigo sair caminhando pela cidade se ela for segura, ou ir direto para turistar!

Se seguir as dicas aqui do blog pra fazer uma mochila leve e funcional, nem vai ter a tentação de subir num taxi porque não aguenta o peso da mala…É melhor para o ambiente, diminui os engarrafamentos e é bom pra sua carteira usar o transporte público. Isso vale para ir para diferentes pontos turísticos que você quer ir também. Se você pode andar, andar de bicicleta ou pegar o sistema de transporte público, você está fazendo um favor a todos. Exceto pros taxistas e pros ubers…

4. Leve seu talher e copo, é prático e é barato

Quando for comer na rua, negue os talheres plásticos.

Aquela colherzinha de comer sorvete que você usa por 5 minutos e joga fora, mesmo tendo demorado muito mais pra ser feita? UGGGGGHHHHH que nervoso…

A quantia de plástico usado uma vez só em viagens é absolutamente insana! Imagine aquelas comidas para viagem, sorvete, subway…cheio de embalagem que vai pro lixo!

Levar seu próprio garfinho ou colherzinha é leve e funciona. Você pode comprar coisas em padaria, recusar umas embalagens, e comer só no prato de vidro. Imagina você almoçando num lugar lindo e completamente novo sem gerar NADA de lixo que mágico seria?

5. Faça viagens longas, se puder

Essa é a mais difícil pra quem trampa todo dia e só tem as férias pra viajar. Eu sei. Talvez dê pra economizar de outras formas aqui, mas vou mandar o recado e você cumpre se puder ok?

Aviões contribuem para uma quantia insana de gás carbônico na atmosfera. Prejudica o clima. Sobe a temperatura do mundo. Polui o ar. Quanto menos avião a gente conseguir usar, melhor pra nós. E se é para um destino não muito longe, onde há uma opção para pegar um trem ou ônibus – tente fazer isso. Você vai curtir a paisagem bem mais 🙂 Se for um longo caminho, talvez faça algumas escalas e consiga ver mais lugares que você perderia se passasse direto, use seu vôo da forma mais eficiente possível.

6. Só compre souvenir dos lugares que fazem eles…ou seja fuja das lembrancinhas made in china!

A arte local não é apenas muito mais legal e autêntica, mas também dá suporte aos artistas e à comunidade locais que você está visitando e isso ajuda a manter vivo o local. Isso impede que uma empesa enorme tome aquela cidadezinha que você acha lindo porque o povo não tinha mais emprego. Ééééé amigo, tudo que a gente faz numa viagem influencia absurdo, a gente é que esquece!

Comprando local você não precisará que suas memórias sejam lembranças de baixa qualidade, feitas de plástico e sem originalidade feitas na China. Esse tipo de lembrancinha é algo que você pode encontrar em todo o mundo, você pode chegar no Brasil e comprar igual, então pra que comprar?

Essa foto é made in China (pun intended) mas você saberia dizer se ela foi feita no Brasil? Não! Porque os produtos são todos iguais! O.o

Os produtos locais não precisam ser importados, poluem menos e ajudam os artesãos a continuar fazendo seus trabalhos e vivendo sua vida!

7. Negue os canudos! Negue tudo que for jogar fora 5 minutos depois!

A quantidade de canudos de plástico a ser utilizado uma vez pra depois acabar lixão ou na boca de um peixe é de partir o coração.

Pense: Você realmente precisa de um canudo?

Se você gosta de usar canudos, você pode obter canudos reutilizáveis, tem de bambu, tem de plástico reutilizável, tem até de metal. Além disso, fazer a declaração para uma loja que você não quer um canudo de plástico pode fazê-los repensar o assunto… Ou talvez até começar com canudos biodegradáveis em papel ou bambu, se forem abertos o suficiente pra você conversar com eles sobre isso. Apenas tente se lembrar de afirmar que não quer canudos quando pedir uma bebida, e dê preferência pro copo de vidro, obviamente!

8. Seja a louca do lixo

Ajude a comunidade que você está visitando pegando o lixo que você vê no chão. Ou talvez se tiver fazendo uma viagem pela Worldpackers aproveite e se junte a um dos dias de limpeza que eles fazem em praias pelo mundo!

Mesmo que os turistas nem sempre sejam os que estão jogando lixo, é o mínimo que podemos fazer pelas comunidades nos recebem como convidados 😉

Quando eu falo “A louca do lixo” é porque quem viaja comigo sabe que eu sempre saio catando lixo em toda praia que eu vou. Já levei bronca da minha família porque “não curto a praia, só fico catando lixo”. Pois é, eu não consigo resistir de ver praias tão lindas sendo assassinadas pelo Brasil e pelo mundo, eu tenho o instinto de salvá-las! Bora salvar o mundo junto? ahuehueha

9. Evite desperdiçar comida oferecendo pros colegas de hostel pra jantar junto!

Viaje com uma caixinha pra marmitinha, e guarde comida pro dia seguinte! Ou então oferecer comida a outras pessoas é um bom gesto, é uma boa maneira de fazer novos amigos no hostel também. Talvez se você ficar várias noites, escolha um dia para fazer comida pras outras pessoas que tão ficando, enfim…Não jogue comida fora pô! Muita gente trabalhou pra esse pimentão que você tá jogando fora chegar á sua mão!

Outra saída é simplesmente se tornar profissional na arte da medição do quanto você vai comer! (para alguns seres humanos é impossível, mas você sempre pode tentar).

10. Recicle sempre que possível

Se sua acomodação não separa o lixo pra reciclagem, pergunte por quê!

Às vezes você tá num país tão atrasado que não pensam nisso, tipo o Brasil onde se recicla apenas 3% das milhões de toneladas de lixo produzidas por dia.¬¬

Quando estiver no hostel, pergunte se eles sabem onde jogar lixo separado pra reciclar… disfarçadamente cutuque! O mundo não tem mais tempo de ficar esperando o pessoal se tocar. A hora é agora! Lembre-se de tentar evitar o plástico o máximo que puder, já que ele raramente é reciclado e não é biodegradável.

Você tem alguma recomendação para uma viagem mais eco? Diz aí!

Precisa de hospedagem barata em qualquer lugar do mundo?
Reserve por Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!
E que tal visitar museus pela Europa sem fila?
Reserve com o TicketBar Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Quer saber tudo e mais um pouco sobre veneza?
Compre o e-book! Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


2 comentários sobre “10 dicas para uma viagem mais ambientalmente amigável e correta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *