China inaugura serviço de trem direto para Londres

 

Nova transiberiana? Enquanto a Transiberiana leva 7 dias em diversas rotas com uma distância média de 7 mil km, este serviço leva 18 dias, percorrendo uma distância de 12 mil km.

A China começou em janeiro de 2017 um serviço de trem direto até Londres, com duração de 18 dias, segundo a agência de notícias oficial chinesa Xinhua. Ao todo, o percurso tem 12 mil km, começando na cidade de Yiwu, na província de Zhejiang.

Atravessando continentes

Fonte: Mapa gerado por Juliana Arthuso (Virando Gringa) no Google Maps.

O trajeto passa por sete países além da China e da Inglaterra: Casaquistão, Rússia, Bielorússia, Polônia, Alemanha, Bélgica e França. (fonte: O Globo)

Segundo o jornal britânico “Telegraph”, há 39 rotas na ferrovia atualmente, ligando 16 cidades chinesas a 12 europeias! Será esta a nova transiberiana? Atravessar a “eurasia” numa viagem por diversas cidades, explorando tudo…é uma experiência que não pode faltar na vida de um viajante.

No caso desse trem, tem um porém, o movimento é parte da estratégia da China de reerguer uma antiga Rota da Seda, por onde circulavam riquezas entre a China e o Mediterrâneo. Na época do anúncio, em 2014, a expectativa era de investimento de US$ 40 bilhões. Então esse trem será um pouco menos turístico do que é o transiberiano.

Linha ainda mais rápida?

A China também planeja um outro trem, super rápido, que iria de de King’s Cross (Londres) até Beijing (estação central) numa viagem de dois dias, se o trem for construído como planejado. A ideia é que viaje quase tão rápido quanto aviões.

Nos resta esperar ansiosamente! Mais info nesse outro post do Telegraph.

[Update]

Olha só esse vídeo do trem chegando!

Fontes: O Globo, Telegraph, Independent UK.

=================================================
Descontos para seguidores:
➜ Desconto de até R$ 179 no AirBNB
Primeira viagem de graça pelo Buser
➜ Desconto de USD 10 na anuidade da Worldpackers
➜ Desconto em Seguro viagem
➜ Reserve ingressos para qualquer atração na Europa e fuja das filas
➜ Chip de viagem internacional para ficar conectado em qualquer lugar do mundo

Precisa de hospedagem barata em qualquer lugar do mundo?
Reserve por Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!
E que tal visitar museus pela Europa sem fila?
Reserve com o TicketBar Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Quer saber tudo e mais um pouco sobre veneza?
Compre o e-book! Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Tradutora, redatora e mochileira, trabalho de qualquer lugar desde 2018. Mostro que é possível fazer intercâmbio e mochilão sem precisar gastar demais. Até agora, visitei 23 países, morei na Holanda, na Alemanha, na China. Fiz 5 intercâmbios - 3 com bolsa de estudos e outros trabalhando ou como voluntária - fiz voluntariado no Brasil e na Europa, mochilão pela Europa, e agora estou no Brasil, último destino: Peru.

2 thoughts on “China inaugura serviço de trem direto para Londres

  1. Na boa, essa é a ideia mais genial de todas! Espero que eles façam um “pacotão” de vistos pois se não me engano, o Kazaquistão e a China (dependendo da sua nacionalidade também a Russia) exigem visto para entrar!

    Esse vai para lista de coisas a fazer antes de bater as botas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

virandogringa