Virando Gringa

Passei no Mestrado fora mas sem bolsa! E agora? Jeitos de arrecadar dinheiro

Você passou no Mestrado dos sonhos numa universidade super fodástica mas não conseguiu bolsa pra cobrir os tuition fees, nem o custo de vida, nem passagem aérea, seguro saúde…a lista de custos de estudar é muito alta, né?

Veja as dicas de como se manter e não abandonar o sonho por falta de grana!

Foto: Tim Gouw

Em conversa com amigos, percebi que às vezes a gente se desespera mas sempre tem uma saída pra quem quer fazer mestrado fora e realizar o sonho!

Exemplo 1: Juliano Spyer

Um exemplo de quem foi um pouco mais longe por causa do sonho, é o Juliano Spyer, que transformou o Mestrado em Londres num emprego. Ele basicamente foi atrás de empresas, mostrou pra elas que podia fazer um bom projeto e tentou fazer com que eleas o contratassem como pesquisador (existem empresas que contratam pessoas só pra Pesquisa e Desenvolvimento então por que não?).

Ele partiu do bom e velho princípio do “O não eu já tenho” e simplesmente meteu a cara e tentou vender o projeto dele para empresas. E conseguiu cursar o mestrado dessa forma. A empresa pagou pela pesquisa dele e fez parceria com a universidade. Leia o relato aqui.

Exemplo 2: Caio Guimarães

Tem também a história do Caio Guimarães, que conseguiu estágio no MIT depois de mandar mais de 2 mil e-mails tentando (não pra mesma pessoa lógico!). A insistência funcionou. Apenas poucos foram respondidos, mas aquele UM que respondeu valeu a pena!

É fácil? De jeito nenhum… Mas é possível!

Tirando a história do Juliano ou do Caio, tem outras maneiras…As dicas a seguir vieram de um grupo de whatsapp com alunos de todo o Brasil, e cada um deu uma dica diferente. Alguns já estão no exterior, trabalhando e estudando, ralando muito, e eles passaram dicas de como estão conseguindo viver fora do Brasil sem ajuda do governo ou dos pais.

 

A primeira dica é: NÃO ENTRE EM PÂNICO. Use a ansiedade para se planejar.

Exemplo 3: André Sarli, do blog Revoando

O André fez direito no Brasil, e pela sua capacidade acadêmica e imensa força de vontade pra estudar, passou no Mestrado lá na Suiça! Ficou muito feliz com a conquista, mas não tinha bolsa.

Não se deixou abater e deu um jeito de arrecadar dinheiro de amigos, familiares, e até mesmo desconhecidos que acreditavam em seu potencial. Foi para a Suiça estudar e contar tudo no blog dele.

Parênteses: um dos meus posts preferidos do André é Morar na Suiça é chique? – Só que não“

http://revoando.com/2018/01/17/morar-na-suica-e-chique-so-que-nao-discussao/

Algumas maneiras de arrecadar dinheiro para estudar fora sem bolsa

  1. Fazer uma plataforma pra receber dinheiro de amigos, familiares, desconhecidos. Muitos querem ajudar mas não sabem como, existe sim gente com dinheiro pra doar. Você só precisa chegar até elas! Seja cara de pau!
  1. Fazer coisas pra vender no Brasil, tipo comida. Eu vendia na faculdade e dá dinheiro pra despesas iniciais como passaporte e visto.
  2. Pesquise alojamento antes, pra não chegar em cima e só sobrarem os mais caros. Pegue algo suficientemente perto da universidade pra você pode ir de bike ou à pé, assim nem gasta com ônibus.
  3. Pegue um país que possibilite que você trabalhe enquanto estuda. Parece difícil, e é mesmo, mas vale a pena. Quando você ganha em euros é muito melhor. Alguns amigos que estão na Alemanha trabalham como guia turístico, outros com entregas, outros ficam colocando os produtos na prateleira do mercado…Nenhum trabalho é bom demais pra você, pagando é o que importa.
  4. Como exemplos de países que permitem trabalhar enquanto estuda: França, Austrália, Nova Zelândia, Holanda, Irlanda. Cada um deles tem suas especifidades de carga de horário de trabalho e visto. Você precisa ler sobre o país onde quer ir.
  5. Quando chegar no país de destino, evite gastar dinheiro com rolês (cerveja). Vá nos eventos ERASMUS que são geralmente grátis!
  6. Trabalhe online, comece já a se cadastrar nos sites de freelancer. Exemplo: Workana, 99 freelas, Translators Cafe, Proz.
  7. Desapegue de tudo…venda suas coisas! Venda tudo que puder.
  8. Mande e-mail para toda pessoa possível e imaginável no seu país de destino pedindo bolsa. Falo isso porque nem toda oportunidade de bolsa é amplamente divulgada (apesar de que deveria ser), então às vezes tem bolsas específicas de um laboratório, específicas de um projeto maior que o professor pode repassar pra você, se você fazer seu currículo de forma atraente e conseguir vender seu peixe corretamente.

 

Aproveitando que estamos falando de vender seu peixe, leia o post sobre carta de motivação!

Ajude uma mestranda que está nessa situação

Sou aluna da Universidade de São Paulo (USP) e fui selecionada para realizar um mestrado na melhor universidade da Bélgica, KU Leuven…mas preciso da sua ajuda para realizar esse sonho!

Leve esse pedido como um pedido de “Adoção” – Adote uma mestranda! Me ajude a me matricular em uma das melhores universidades da Europa e acompanhe toda minha trajetória (sendo parte dela!) na busca de mais conhecimento e desenvolvimento para a cultura cervejeira brasileira! Qualquer ação já me ajuda e muito! Compartilhe esse vídeo com seus amigos e ajude a espalhar minha história! 

PS: Clique no link na descrição ou no final do vídeo para saber mais sobre mim e sobre meu projeto e ser direcionado ao Vakinha Online!

Cada um tem sua história

Este post serve para te inspirar a não desistir.

Não tem todas as soluções possíveis, não tem o segredo master blaster de como arrecadar dinheiro para estudar fora, mas mostra alternativas viáveis e alguns exemplos de sucesso nesta jornada difícil que é ter estudos de qualidade mesmo sem grana!

Precisa de hospedagem barata em qualquer lugar do mundo?
Reserve por Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!
E que tal visitar museus pela Europa sem fila?
Reserve com o TicketBar Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Quer saber tudo e mais um pouco sobre veneza?
Compre o e-book! Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

virandogringa