Virando Gringa

5 razões para visitar a Cidade Proibida – Patrimônio da Humanidade na China

Este post é parte de uma iniciativa de blogagem Coletiva sobre Patrimônios da UNESCO!

No final deste post você encontra mais de 30 links com dicas para visitar Patrimônios pelo mundo! Procure pela hashtag #PatrimôniosUNESCO

14089073_10155278147759569_4611153672916939416_n

A China tem 45 Patrimônios da Humanidade, na lista de ‘Patrimônio Mundial da UNESCO’. É o segundo país que mais possui patrimônios, só perdendo para a Itália (que possui 49) e seguida pela Espanha (com 44) no ranking mundial. Para quem pensa que a Europa é a rainha das antiguidades…bem…você está só parcialmente certo!

Desde 2004, a China está investindo nas reformas em grande escala nesses tesouros de sua história. Os seis primeiros são situados em Beijing, dos quais eu visitei 4: a Grande Muralha, a Cidade Proibida, o Templo do Céu e o Palácio de Verão. Os outros dois são os Túmulos Ming, e o “Homem de Pequim” no local Zhoukoudian.

Para quem tem curiosidade, a lista completa esta nesse link. Por curiosidade, o Brasil tem 19 Patrimônios da Humanidade reconhecidos pela UNESCO.

Boa parte da informação (números e dados) acima foi tirada do Blog “China na Minha Vida“, escrito pela Christine Marote – Visite!

5 motivos para visitar a Cidade Proibida

 

1. Ela já estava pronta antes do Brasil ser Brasil

A Cidade Proibida (紫禁城 – zǐ jìn chéng) que  literalmente significa “Cidade Proibida Púrpura”, foi o palácio imperial da China desde meados da Dinastia Ming até ao fim da Dinastia Qing. Tudo bem se você não sabe a ordem das dinastias…nem eu sei! O importante é que isso significa que foi construída nos anos de 1400, antes mesmo do Brasil ser invadido pelos Portugueses, pense só!

forbidden-city2-hello-beijing-wordpress-com

2. É o ponto mais fácil de se visitar

Fica localizada no centro de Pequim. O metrô pára na frente. E tem tanta gente que não tem como você não ver!

Caminhos:
a.   Pegue a “subway line 1“, saia na estação Tiananmen East (Exit A) ou Tiananmen West (Exit B), encontre a Tiananmen Tower, e dali ande até o Meridian Gate;
b.   Pegue a “subway line 2“, saia na estação Qianmen (Exit A), se dê o prazer de andar pela histórica Tiananmen Square, passe pela Tiananmen Tower, e dali encontre o Meridian Gate.

3. Há muito para se ver e aprender

O complexo de casas e jardins é formado por 980 edifícios, e já teve mais, com 8.707 seções de salas e 720.000 metros quadrados. é uma amostra de arquitetura tradicional chinesa, tendo exercido influências culturais e arquitetônicas na Ásia e no mundo.

cidade-proibida

A Cidade Proibida foi declarada Patrimônio Mundial da Humanidade em 1987, sendo a maior coleção de antigas estruturas de madeira preservadas no mundo. Durante quase cinco séculos serviu como residência do Imperador e do seus empregados/escravos, sendo o centro cerimonial e político do governo chinês. O título de Cidade Proibida surgiu pelo fato de somente o imperador, sua família e empregados especiais terem a permissão para entrar.

4. Não é nem um pouco caro

Abril a Outubro: CNY 60 = mais ou menos 29 Reais.
Novembro à Março: CNY 40 = mais ou menos 19 Reais.

cidade-proibida-forbidden-city

5. Vai render lembranças inesquecíveis

Toda a história desse lugar vai passar por você, e te fazer sentir todo o peso de séculos! Esse lugar foi casa de muita gente, e tem dentro de si muitas vidas, mas foi aberto como museu somente em 1925. Durante a segunda guerra, sofreu com a ofensiva japonesa quando cerca de 19 mil caixas contendo artefatos foram retiradas da Cidade Proibida. Os objetos voltaram a Pequim após a Segunda Guerra Mundial, mas o palácio estava totalmente degradado. O trabalho de recuperação começou em 1950.

Notáveis e inesperadas descobertas ainda estão sendo feitas à medida que técnicas antigas são combinadas com a tecnologia moderna para restaurar um dos palácios mais magníficos da Terra“. (Christine Marote)

Boa parte da informação (números e dados) acima foi tirada do Blog “China na Minha Vida“, escrito pela Christine Marote – Visite!

Confira os outros Posts desta blogagem coletiva!

– Viajonários – Patrimônios Mundiais da UNESCO em Londres

– Lolepocket – Explorando o melhor das ilhas gregas: um dia em Delos

– Foco no Mundo – Patrimônios da UNESCO para visitar no Brasil

– Destinos por onde andei… – Salvador, Patrimônio Mundial da UNESCO

– Mariana Viaja – Conjunto da Pampulha, novo Patrimônio Mundial da UNESCO

– Pegadas na Estrada – 15 Parques Nacionais Patrimônios da UNESCO que você precisa conhecer

– Família Viagem – Patrimônio Mundial da UNESCO: Estátua da Liberdade

– Viagens que Sonhamos – Pampulha

– Pequeno Grande Mundo – Patrimônios Mundiais da UNESCO em Malta

-Viagens Invisíveis – Os inacreditáveis templos de Angkor, Camboja

– Mineiros na Estrada – O que ver e fazer em Machu Picchu

– Outro blog – Chapada dos Veadeiros | Alto Paraíso de Goiás

– Mochilão Barato – Missões Jesuítas no Paraguai

– Asas pra que te quero – Castelos da Inglaterra: a história sombria da Torre de Londres

– Vaneza com Z – Patrimônios na Humanidade em Portugal: Sintra e Porto

– Trilhas e Cantos – Patrimônios da Unesco no País de Gales: Castelos e Fortificações do Rei Eduardo I

– Projeto 101 Países – Persépolis: a joia preciosa do Irã

– Volto Logo – Patrimônios Culturais da UNESCO para conhecer na América Latina

– Atravessar Fronteiras – Ouro Preto: perfeita aliança entre história e modernidade

– Uma Senhora Viagem – Olinda, Linda cidade, Lindo patrimônio

– Coordenadas do Mundo – 8 Patrimônios da Humanidade para visitar na Austrália

– Olhares pelo mundo – Cidade Histórica de Ayutthaya, Patrimônio da UNESCO a um Pulo de Bangkok

– Cantinho de Ná – Palácio de Versalhes. Patrimônio UNESCO com louvor.

– Trippolis – Distrito Histórico de Quebec

– Viviendo en el México Mágico – México e a UNESCO!

– Devaneios de Biela –  Fortaleza de Suomenlinna: Patrimônio Histórico em Helsinki

– De Mochila e Caneca – Catedral de São Basílio, a igreja mais bonita do mundo!

– Ligado em Viagem – Hierápolis-Pamukkale, lindo Patrimônio Mundial da Unesco na Turquia

– Por aí com os Pires – Foz do Iguaçu – Parque Nacional do Iguaçu

– Apure Guria! – 5 dicas para visitar o Angkor no Camboja

– E aí, Férias! – Ouro Preto, a cidade patrimônio cultural da UNESCO e ponto focal da Estrada Real

– Tá indo pra onde? – Patrimônios da UNESCO na Alemanha

Precisa de hospedagem barata em qualquer lugar do mundo?
Reserve por Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!
E que tal visitar museus pela Europa sem fila?
Reserve com o TicketBar Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


Quer saber tudo e mais um pouco sobre veneza?
Compre o e-book! Aqui e ajude o blog sem pagar nada a mais por isso!


24 comentários sobre “5 razões para visitar a Cidade Proibida – Patrimônio da Humanidade na China

  1. Pingback: Palácio de Versalhes. Patrimônio UNESCO com louvor. - Cantinho de Ná

  2. Pingback: Patrimônio Mundial da UNESCO: Estátua da Liberdade | Família Viagem

  3. Pingback: Persépolis: a joia preciosa do Irã – Projeto 101 Países

  4. Pingback: 5 dicas para visitar o Angkor no Camboja - Apure Guria!

  5. Pingback: Catedral de São Basílio, a igreja mais bonita do mundo!!!

  6. Dayana

    Tá, bom, não precisa falar mais nada. Eu vou planejar uma viagem para a China e vou conhecer a Cidade Proibida! 😛

    Adorei saber que é tão acessível em tantos sentidos!

  7. Cristina e Renato

    Olá! Patrimônio da Unesco super bem escolhido. Além da grandiosidade, a cidade proibida tem muita história. Vale muito à pena assistir ao filme “O último imperador” antes de ir . Conhecemos essa atração em 2013 e nos apaixonamos. Você nos trouxe grandes lembranças! Parabéns pelo post e pela escolha!!! Abraços, Cristina e Renato – Blog Pegadas na Estrada.

  8. Pingback: Patrimônio Cultural da UNESCO | 7 destinos para sua viagem

  9. Pingback: Chapada dos Veadeiros - Alto Paraíso de Goiás - Outro blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *